FASUBRA PROTOCOLA JUNTO AO MGI CONTRAPROPOSTA VOTADA PELA BASE NA ÚLTIMA QUARTA, 29 DE MAIO

Na última quarta-feira, 29 de maio de 2024, a FASUBRA Sindical protocolou junto ao Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) a contraproposta votada pela Categoria entre os dias 27 e 29 de maio. O Ofício tem como objetivo buscar uma alternativa aos percentuais apresentados pelo Governo Federal na 5ª mesa de negociação temporária e específica, que aconteceu no último dia 21 de maio de 2024.

A carta ratifica a concordância Categoria com os cinco pontos acatados na sua totalidade pelo governo até esse estágio da negociação, como a diminuição do interstício de progressão, verticalização da malha salarial, a utilização da classe E como referência remuneratória na tabela, o fim da diferença da relação direta e indireta para fins de concessão do IQ e a revisão dos fazeres dos cargos.

Já dentre os pontos que integram a contraproposta, destacam-se os percentuais destinados à recomposição salarial, inclusão da aceleração por capacitação na reestruturação do PPCTAE e a instauração da RSC nas mesas específicas e sua regulamentação no âmbito da CNSC-MEC.

O Ofício protocolado completo, bem como as orientações da FASUBRA para a sua base no sentido de ampliar o movimento paredista no contexto atual da Greve estão disponíveis no Informe de Greve.


Disponível em <https://sindifes.org.br/base-do-sindifes-aprova-continuidade-da-greve-apos-rejeitar-parcialmente-proposta-do-governo/> Acesso: 13/06/2024 às 16:27