SINDIFES cobra vacinação contra pneumonia para todos os TAE do HC-UFMG

Na última quarta, 19 de agosto, o SINDIFES entrou em contato com a Pró-Reitoria de Recursos Humanos da UFMG para cobrar a vacinação de todos os Técnico-Administrativos em Educação lotados no Hospital das Clínicas da UFMG. A demanda chegou ao Sindicato por meio dos trabalhadores da unidade que estão inseguros e ansiosos com os riscos da não imunização, pois somentes os que estão trabalhando diretamente com pacientes do COVID-19 serão vacinados.

Apesar de não estarem nos setores exclusivos de atendimento aos pacientes do COVID-19, os demais trabalhadores têm contato com estes pacientes. Para a Coordenadora Geral do SINDIFES, Cristina del Papa, é importante que todos que estão no HC-UFMG sejam imunizados. “Quem trabalha em hospital está em risco constante e tem maiores chances de infecção, por isto, é importante proteger estes Trabalhadores, pois caso seja infectados estão imunizados contra doenças que possam agravar o quadro de saúde”, explica a coordenadora.

Em documento enviado ao SINDIFES nesta quinta-feira, dia 20, a Pró-Reitora de Recursos Humanos da UFMG, professora Márcia Magela Machado, informou que conversou com a direção do Hospital da Clínicas que deu os seguintes esclarecimentos:

– as vacinas contra pneumonia, em número de 500 (quinhentas), foram doadas pela Prefeitura Municipal de Belo Horizonte;

– a recomendação da PBH foi que fossem vacinados os servidores que atendem diretamente pacientes de COVID-19, logo não foi decisão da direção do HC e não teve participação do DAST;

– a direção do HC, ciente que trabalhadores de outras áreas tem contato com pacientes com COVID-19, solicitou mais doses da vacina à PBH;

– houve negativa com alegação de que as doses adquiridas já tinham sido distribuídas;

– a direção do Hc vai fazer novo contato com a PBH, perguntando sobre a possibilidade do total de doses distribuídas não terem sido aplicadas no sentido de ratificar a solicitação.

No documento, também foi informado que a Reitora da UFMG, professora Sandra Goulart, já está ciente da situação e entrará em contato com o Secretário Municipal de Saúde de Belo Horizonte para solicitar um novo lote de doses.

O SINDIFES fará gestão também junto a Secretaria Municipal de Saúde, como fez com a vacinação da gripe, solicitando o aumento do número de doses da vacina contra a pneumonia.


Disponível em <https://sindifes.org.br/sindifes-fecha-parceria-com-projeto-para-distribuir-mascaras-de-protecao-a-enfermagem-do-hc-ufmg/> Acesso: 26/09/2020 às 10:39